quinta-feira, 24 de maio de 2012

Ato Contra a Corrupção | 22.05.2012 COMPLETO【S.RÏVER】


Neste vídeo acompanhe imagens do dia 22 de maio de 2012 em que foi realizada a leitura do Relatório Final da Comissão Parlamentar Processante (relator Deputado Edson Martins) que investigou os Oito Deputador envolvidos na Operação Termópilas desencadeada pela Polícia Federal. 

A operação desarticulou uma grande quadrilha que desviava dinheiro da Saúde Pública e fraudava licitações comandada pelo então Presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Valter Araújo, e outros sete deputados, além da participação de servidores do SESAU/RO, SEJUS/RO e DETRAN/RO.

O dia 22 de maio de 2012 também entra para história de Rondônia como o dia em que o Poder Legislativo como a data em que o povo é desrespeitado pelo relator de uma Comissão Processante que indo contra o interesse coletivo e os fatos (muito bem provados pela Polícia Federal que não brinca em serviço) indica a cassação apenas de um deputado, Valter Araújo, e atribui aos demais (igualmente envolvidos no escândalo) uma pena branda, que beira o ridículo: Suspensão Temporária de 30 dias (o que praticamente equivale a uma premiação de férias).

Isso mostra o quanto o relator da Comissão Parlamentar Processante não respeita os eleitores que depositaram nele os seus votos, e além, desrespeita e agride o povo de Rondônia que esperava uma pena exemplar a todos os oito deputados envolvidos na Operação Termópilas, cuja Cassação ainda assim seria um mínimo para punir os criminosos que ousaram roubar dinheiro da Saúde Pública, ceifando a vida de muitos pais de família e pessoas de bens em hospitais públicos de Rondônia.

Após a leitura do relatório com a posição final do relator da Comissão Parlamentar Processante, bem como a votação por todos os membros da referida comissão, foi noticiado pelos mesmos que o relatório seria votado em plenário (por todos os deputados da ALE/RO, exceto os envolvidos) no dia seguinte (23/05/2012) às 15h.

Os deputados envolvidos na Operação Termópilas e investigados pela já mencionada CPP são:
- Valter Araújo (ex-Presidente da ALE/RO);
- Ana da Oito;
- Epifânia (ex-Secretária da Educação de Porto Velho);
- Jean de Oliveira (filho de Carlão de Oliveira, da Operação Dominó);
- Flávio Lemos;
- Saulo da Renascer;
- Zequinha Araújo (proprietário de uma associação beneficente);
- Euclides Maciel (apresentador de um programa de TV local).

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotografia: Sáimon Rïver

Fotógrafa Luciana Gusmão


Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Fotógrafa Luciana Gusmão

Postar um comentário