quarta-feira, 7 de agosto de 2013

【ツ PaSsEiO RïVeR | 04.08.2013 Trilhos da Madeira-Mamoré


No último dia 04 de julho meu amigo Guilherme Mezzomo e eu percorremos os 7 km que restou dos trilhos da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, entre a cidade de Porto Velho e o povoado de Santo Antônio.

Durante todo o percurso procuramos andar exatamente pelos trilhos, saindo do Bairro Triângulo passamos pelo "cemitério de locomotivas", onde há à margem dos trilhos várias locomotivas abandonadas, enferrujadas e tomadas pelo mato. Mais adiante chegamos ao Cemitério da Candelária, cujo local está longe de lembrar um cemitério, afinal não existem túmulos, mas tão somente uma mal cuidada trilha sem qualquer outro atrativo além da floresta.

Por volta do quilômetro 3 chegamos à Vila da Candelária, onde existem pequenos casebres bem às margens da ferrovia, e um conjunto de casar rumo á estrada mais próxima, onde encontramos residências cujas construções parecem ser bem antigas, além de restaurantes que parecem ser bem movimentados e frequentados principalmente pelas pessoas da cidade.

Continuando a caminhada percorremos por uma estrada de cascalho que margeia a ferrovia, sendo inclusive transitada por automóveis. Mais adiante a estrada termina e o trilhos da Madeira-Mamoré continuam em meio à floresta, e por lá encontramos insetos interessantes, e algo bem curioso: despachos, isto é, oferendas macabras pra alguma entidade espiritual, sendo a mais estranha a de uma cabeça de caprino e bebidas. Naquela região, já chegando no quilômetro 7 haviam vários despachos às margens da ferrovia.

Após uma tentativa de continuar a caminhada pelos trilhos até o final, nos deparemos com muito mato e condições duvidosas para prosseguirmos até uma passarela que passa por cima dos trilhos naquela no ponto final, então, voltamos e pegamos uma pequena estrada que dava acesso à Capela de Santo Antônio mais facilmente.

A partir da Capela de Santo de Antônio, a qual estava revitalizada, afinal comemora seus 100 anos de construção ainda neste mês, podemos ver de lá a Hidrelétrica de Santo Antônio, e o Centro Cultural Indígena recém construído no local, mas que ainda não estava em funcionamento.

O passeio bem interessante, e era o quarto que fazia em toda minha vida, porém a expectativa ainda é grande  e ansiosa a espera de que as promessas de revitalização desse trecho que incluem os passeios de trem se torne o quanto antes realidade, e que com isso Porto Velho finalmente atenda as expectativas de turistas que chagam a capital para conhecer e passear na famosa Madeira-Mamoré, e que assim se torne mais uma atração turística da região.

O VÍDEO
Música:
Titanium - David Guetta ft. Sia

Sáimon Rio e Guilherme Mezzomo
Porto Velho/RO - Amazônia - BRASIL
2013
































Postar um comentário