quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

CPMF: Governo derrotado no Senado



CPMF (Contribuição "Provisória" sobre Movimentação Financeira) não foi prorrogada.

Hoje, 12 de dezembro de 2007, às 23:11 (horário de Porto Velho) o Governo foi derrotado no Senado. 

Os senadores votaram pela não prorrogação da CPMF com 45 votos contra 34. Votaram 79 senadores dos 80 senadores (o Presidente do Senado não vota), entretanto, por se tratar de uma Emenda Constitucional, o governo precisaria de no mínimo 49 votos para a prorrogação da CPMF.

O Planalto chegou a enviar uma carta à Presidência do Senado pouco antes da votação a fim de colher mais votos para a permanência da contribuição, chegou até a propor que o dinheiro arrecadado com a CPMF fosse integralmente destinada à saúde.

Com a CPMF extinta a saída do Governo para substituir o tributo haverá o corte de gastos e a cobrança de mais impostos. Infelizmente não cogitaram sobre rigores contra a corrupção, que é o maior gasto do Governo.
Postar um comentário